top of page

seg., 08 de jul.

|

Sala Virtual Di Jeje

Curso - Feministas Negras

Serão 4 aulas aonde vamos revisitar o pensamento de quatro pensadoras negras fundamentais para os estudos do Feminismo Negro: Lélia Gonzales, Beatriz Nascimento, bell hooks e Neuza Santos. Vamos compreender conceitos centrais dentro do pensamento dessas autoras:cultura, afeto, território e negritude

Curso - Feministas Negras
Curso - Feministas Negras

Horário e local

Última data disponível

08 de jul. de 2024, 19:00 – 29 de jul. de 2024, 21:00

Sala Virtual Di Jeje

Sobre o evento

IMPORTANTE: Assinantes da Plataforma Di Jeje tem acesso gratuito ao curso

Nesse curso vamos pensar 4 conceitos centrais a partir do pensamento do feminismo negro:

  • Conceito de Cultura a partir de Lélia Gonzales: afinal, o que é a cultura e qual seu poder de acomodar o racismo na sociedade brasileira? Qual o papel da mulher negra no que diz respeito a denegação cultural no Brasil? 
  • Conceito de afeto a partir de bell hooks: amor não é a mesma coisa do afeto, inclusive ódio, raiva, inveja, medo, fracasso também são afetos e são afetos centrais na experiência racializada de corpos negros. Sem que a gente possa problematizar nossa desorganização familiar e emocional, não seremos capazes de amar com honestidade. 
  • Conceito de território a partir de Beatriz Nascimento: costumamos pensar que território é o chão. Em certa medida, numa perspectiva africana tradicional, o território também é o chão, mas ele também é o corpo e ele é sobretudo a relação entre o chão e o corpo, o resultado dessa relação. Aqui há uma conexão entre os olhares de Lelia e Beatriz, que se encontram com bell: território produz a cultura e a cultura aciona os afetos.
  • Conceito de negritude a partir de Neuza Santos: negritude é uma forma de produção de subjetividade, que é construída num movimento de "tornar-se negro". Tornar-se negro é uma experiência (de)colonial que articula o território, os afetos e a cultura. 

Serão 4 aulas as segundas feiras entre 8 a 29 de Julho sempre das 19hs as 21hs, além das aulas ao vivo você vai contar com material de apoio bibliográfico. E se você não puder ver ao vivo, vai poder assistir a gravação depois.

Assinantes da Plataforma Di Jeje tem acesso gratuito aos encontros e assinantes vitalícios vão receber o certificado gratuitamente. Os demais assinantes, podem solicitar o certificado mediante o pagamento da taxa de emissão.

Quem não é assinante da Plataforma, vai poder se inscrever no curso (e nesse caso seu certificado está incluso na sua inscrição).

Ps: não sei se você sabe, mas agora os certificados do Di Jeje são reconhecidos pelo MEC na modalidade extensão universitária. Legal né?

Carga horária: 60 horas

Público alvo: pessoas interessadas em debates antirracista do feminismo negro e psicanálise.

Certificação: extensão universitária reconhecido pelo MEC

Oferta de plano de membros
Compre um plano de membros e receba até 100% de desconto para esse evento no checkout

Ingressos

  • Feministas Negras

    R$ 240,00
    Vendas encerradas

Total

R$ 0,00

Compartilhe esse evento

Pastel Rainbow Modern January Monthly Email Header.png
bottom of page